topo ban fine

 
 

servicos solicitar banner

Mutirão de cirurgias de catarata nesta semana beneficia 80 pacientes

O Hospital Municipal Dr. Joaquim Brochado (HMU) recebe nesta segunda e terça (3 e 4 de junho) mais um mutirão de cirurgias de catarata. A meta é beneficiar 80 pacientes nesses dois dias. O mutirão prossegue em julho (ou agosto) e, ao todo, serão 227 procedimentos cirúrgicos. Para as operações, a Prefeitura contratou a empresa Machado & Pereira Serviços Médicos e Oftalmológicos, vencedora da licitação, com sede em Brasília. O custo pelo serviço para os cofres municipais será de R$ 130.298,00.

 

O oftalmologista responsável pelos procedimentos está ocupando uma sala do Centro Cirúrgico do HMU, e a cirurgia (retirada do cristalino opaco e aplicação da lente intraocular) dura em média dez minutos. A maioria dos beneficiados tem mais de 60 anos e acaba operando os dois olhos.

 

Aos 71 anos, Juscelino Alves de Souza desenvolveu a catarata nos dois olhos. No dia 14 de março, ele operou o olho direito e, segundo relatou, foi um sucesso. "Já ajudou demais. Hoje, uso óculos só para escrever". Nessa segunda (3/6), o procedimento foi no esquerdo. Conversamos com ele momentos antes da operação, enquanto tomava o remédio prescrito pelo médico e aguardava ser chamado para ingressar no bloco cirúrgico.

 

Logo que chegam ao HMU, os pacientes trocam a roupa, tomam a medicação prescrita pelo médico e pingam o colírio. Antes, porém – uns 10 dias atrás –, os pacientes passaram pela avaliação pré-cirúrgica e revisão de caso a caso. Só foram encaminhados os casos que o médico reputou como realmente necessitados de cirurgia.

 

Também portador de catarata nos dois olhos, Carlos Antônio Gonçalves, de 54 anos, esperava pela cirurgia desde o ano passado. Como se submeteu a um procedimento cardíaco em 2018, teve de adiar a operação e só nessa segunda (3/6) fez a cirurgia no olho direito. O esquerdo, ele acredita, deve ser operado em agosto.

 

A expectativa da coordenadora do mutirão, enfermeira Núbia Custódio, é que outros 40 pacientes sejam operados nesta terça-feira (4/6): 20 de manhã e 20 à tarde. As revisões pós-cirúrgicas são feitas no final de cada período. "Os pacientes precisam aguardar mais tempo no hospital, porque o médico vai avaliar a posição da lente implantada", explica Núbia.

 

CATARATA

 

• O que é catarata?
Catarata é a opacidade do cristalino (lente natural do olho humano). Existem várias intensidades de catarata, que vão das mais leves (opacidades incipientes) até as mais intensas (brancas e rubras).

• Quais são os sintomas?
Um dos primeiros sintomas da catarata é o distúrbio na visão de cores, depois a própria capacidade visual fica diminuída, levando a situações avançadas até a cegueira. Cegueira essa reversível, através da cirurgia de catarata.

• Existe uma idade para ter catarata?
Não. A catarata mais comum é a senil, que aparece por volta dos 60 anos, mas nada impede de um paciente mais jovem ter a doença. Existem ainda as cataratas congênitas, as quais aparecem ao nascimento e as relacionadas a doenças sistêmicas, como diabetes.

• Como é feita a cirurgia (retirada) da catarata?
A cirurgia de catarata é realizada através de microincisões nos olhos (em média 1,75mm), pelas quais retiramos o cristalino opaco com a ajuda de um aparelho de facoemulsificação e colocamos uma lente intraocular no lugar da catarata removida.

 

catt1 0001

SmartNews.com
Previsão do Tempo

Siga-nos

    facebook FaceBook
insta icon Instagram
Twitter
linkedinico LinkedIn

Banco de Notícias

Assessoria de Comunicação Social e Relações Públicas - comunicaaiunai@gmail.com   -  (38)3677-9610 Ramal 9039
other a Sala de Imprensa (clique)

Notícias publicadas no período: 29/03/2005 até 17h24 do dia 13/12/2012