topo ban fine

 
 

servicos solicitar banner

Hospital Municipal perde repasse de verbas, porque pacientes não possuem cartão do SUS

O Hospital Municipal de Unaí (HMU) está deixando de receber verbas de repasse do Ministério da Saúde e do governo estadual, porque vários procedimentos feitos em pacientes não estão sendo computados. Motivo: pacientes dão entrada na urgência e emergência do Pronto-Socorro (PA) ou são internados na ala hospitalar, sem o cartão do SUS ou sem documentos pessoais. Em razão disso, a Secretaria Municipal de Saúde da Prefeitura de Unaí pede a todos os cidadãos unaienses que façam seu cartão do SUS.

 

Fazer o cartão do SUS é fácil e rápido: é só levar documentos pessoais (carteira de identidade e CPF), juntamente com um comprovante de endereço, ao Centro de Regulação, que funciona na avenida Governador Valadares, 1.386, Centro. O horário de funcionamento é das 7h às 17h, de segunda a sexta. O telefone para mais informações é o 3677-5059. Pessoas de todas as idades devem ter o cartão do SUS. 

 

A secretária de Saúde de Unaí, Denise de Oliveira, lembra que qualquer pessoa – em algum momento da vida – pode ter de dar entrada no Pronto-Socorro do Hospital Municipal, que é o único no município em pleno funcionamento, para atendimento completo de urgência e emergência.

 

"Quando acontece algum acidente, por exemplo, a pessoa acidentada dá entrada no pronto-socorro do Hospital Municipal. São feitos vários procedimentos. Na maior parte das vezes, depois ela é encaminhada para internação. Esse paciente pode ficar dias internado. Internação depende de medicamentos, de recursos humanos, material, de vários procedimentos, da hotelaria como um todo. Sem a identificação do paciente e sem o cartão do SUS, o município perde o repasse do estado e da União pelos serviços prestados", ela explica.

 

Em razão das perdas no faturamento do HMU, Denise encarece às pessoas que façam o cartão. E o que é mais importante: elas devem carregar consigo (na carteira) o cartão do SUS junto com os documentos pessoais, para o caso (fortuito) de precisarem ingressar no Pronto-Socorro do hospital num momento de urgência e emergência.

 

"Às vezes, o hospital está cheio, mas as estatísticas (ou dados lançados) apontam apenas metade da ocupação", afirma a secretária, acrescentando que "isso ocorre porque os procedimentos feitos nas pessoas sem cartão (e sem documentos pessoais) não são lançados. Resultado: a Saúde municipal, que já onera o município em demasia, perde parte da verba pública a que teria direito. 

 

regulação
Para fazer o cartão do SUS, levar documentos pessoais e comprovante de endereço à Central
de Regulação: avenida Governador Valadares, 1.386, Centro. Horário de funcionamento é de
segunda a sexta, das 7h às 17h

SmartNews.com
Previsão do Tempo

Siga-nos

    facebook FaceBook
insta icon Instagram
Twitter
linkedinico LinkedIn

Banco de Notícias

Assessoria de Comunicação Social e Relações Públicas - comunicaaiunai@gmail.com   -  (38)3677-9610 Ramal 9039
other a Sala de Imprensa (clique)

Notícias publicadas no período: 29/03/2005 até 17h24 do dia 13/12/2012