topo ban fine

 
 

servicos solicitar banner

Unaí gastou R$ 17,2 milhões com saúde pública no 1º quadrimestre de 2017; R$ 13,8 milhões saíram dos cofres municipais

Do total de R$ 17,2 milhões gastos com saúde pública em Unaí nos primeiros quatro meses deste ano, R$ 13,8 milhões foram recursos próprios do município. No mesmo período do ano passado, Unaí gastou R$ 13,4 milhões. Se nada for feito, até o final de 2017 os gastos do município com saúde podem ultrapassar os R$ 60 milhões, valor do gasto global com o setor em 2016. Esses e outros dados foram divulgados durante audiência pública que a Secretaria Municipal da Saúde realizou na tarde dessa quinta-feira (29/6), no auditório da Câmara Municipal. Durante o evento, foram apresentados os resultados da Saúde de Unaí no 1º quadrimestre de 2017.

 

Os R$ 13,8 milhões dos cofres municipais gastos com saúde foram divididos da seguinte maneira: atenção básica (R$ 2,3 milhões), MAC – Hospital Municipal e Policlínica (R$ 7,8 milhões), vigilância em saúde (R$ 460 mil), assistência farmacêutica (R$ 27 mil), gestão do SUS (R$ 3,2 milhões).

 

Dos R$ 17,2 milhões totais gastos no período, a União (governo federal) repassou ao município R$ 2,3 milhões e o Estado (governo de Minas) repassou R$ 1 milhão. Na opinião dos técnicos, repasses de valores irrisórios, levando-se em conta que Unaí é sede da microrregional de Saúde e atende municípios vizinhos.

 

A despesa com pessoal da saúde também representou um percentual significativo no custeio do setor. A folha de pessoal consumiu 85,5% do total gasto no 1º quadrimestre do ano. Ou seja, o município precisou empenhar R$ 14,9 milhões para pagamento de pessoal e respectivos encargos.

 

Durante a audiência pública, também chamou a atenção a cobertura vacinal em Unaí no 1º quadrimestre, cujos índices alcançados estão muito abaixo da meta estabelecida pelo Ministério da Saúde. Em cada campanha, a meta preconizada é a vacinação de 95% da população alvo. O maior índice foi alcançado com a tríplice viral D1 que atingiu 55%. O segundo melhor resultado foi a vacinação contra a febre amarela, que chegou aos 50,5% de pessoas vacinadas.

 

Nos primeiros quatros meses do ano, a saúde pública unaiense registrou o nascimento de 558 crianças no Hospital Municipal de Unaí (HMU). Dos 558 nascidos vivos, foram 385 partos de unaienses no HMU, depois de sete ou mais consultas de pré-natal. Nesse mesmo período, foram registrados 150 óbitos no HMU, decorrentes das mais diversas causas.

 

Relatórios

 

Esses e muitos outros dados fazem parte do Relatório Detalhado Quadrimestral. O documento captura os dados armazenados em diversos bancos de dados do SUS e é produzido pelo corpo técnico da Secretaria Municipal da Saúde.

 

Antes de serem apresentados em audiência pública, os relatórios de gestão passam por análise e aprovação de comissão formada no âmbito do Conselho Municipal de Saúde.

 

Os dados do Relatório de Gestão estão disponíveis no www.saude.gov.br/sargsus.

 

Os documentos também estão disponíveis na Secretaria Municipal de Saúde (Rua Calixto Martins de Melo, 249, Centro) e são de consulta pública.

 

 unasuss 0002
A audiência pública para apresentação dos resultados foi comandada pela secretária municipal
de Saúde, Denise de Oliveira, acompanhada pelo coordenador do Fundo Municipal de Saúde,
Rony Von dos Reis e pelo vereador Silas Professor, que é presidente da
Comissão de Saúde da Câmara Municipal


quadr 0001
Os dados foram apresentados em telão

unasuss 0001
Mesa diretora da audiência pública

SmartNews.com
Previsão do Tempo

Siga-nos

    facebook FaceBook
insta icon Instagram
Twitter
linkedinico LinkedIn

Banco de Notícias

Assessoria de Comunicação Social e Relações Públicas - comunicaaiunai@gmail.com   -  (38)3677-9610 Ramal 9039
other a Sala de Imprensa (clique)

Notícias publicadas no período: 29/03/2005 até 17h24 do dia 13/12/2012