topo ban fine

 
 

servicos solicitar banner

Secretaria de Obras garante normalidade de operação do aterro controlado

O secretário municipal João Lúcio Lima (Obras, Infraestrutura, Trânsito e Serviços Urbanos) explicou que o aterro controlado de Unaí "nunca deixou de funcionar normalmente". Segundo ele, a operacionalização do aterro sofre alterações (apenas) no período chuvoso, já que sob chuva, "fica impossível compactar e envelopar o lixo que chega ao local".

"Durante os dias de chuva, o lixo fica apenas estocado, aguardando os dias de seca, para a operação de compactação e envelopamento", explica João Lúcio, acrescentando que a normalização da operação é retomada tão logo a terra esteja seca e permita a operação.

O Aterro Controlado de Unaí está funcionando "normalmente" desde o dia 8 de julho de 2014. O local – depois da lagoa de decantação da Estação de Tratamento de Esgoto do Saae, atrás da Serra do Taquaril – recebe cerca de 60 toneladas de lixo coletadas diariamente em Unaí.

O Aterro Controlado ocupa um espaço de 100 metros de cumprimento por 40 metros de largura e 4 metros de profundidade. O município investiu R$ 145 mil para abrir a vala e investe R$ 80 mil por mês para custear todo o processo de compactação e envelopamento do lixo, bem como controle e manutenção do local. A capacidade de duração do aterro (espécie de prazo de validade) é de 12 meses.

compa 0004
Entrada do Aterro Controlado

compa 0005
Obra de contenção da água da chuva

compa 0003
Compactação do lixo após a chegada do caminhão

compa 0002
Compactação do lixo para colocação da camada de terra

compa 0001
Finalização do processo: lixo já compactado e aterrado (envelopamento)

SmartNews.com
Previsão do Tempo

Siga-nos

    facebook FaceBook
insta icon Instagram
Twitter
linkedinico LinkedIn

Banco de Notícias

Assessoria de Comunicação Social e Relações Públicas - comunicaaiunai@gmail.com   -  (38)3677-9610 Ramal 9039
other a Sala de Imprensa (clique)

Notícias publicadas no período: 29/03/2005 até 17h24 do dia 13/12/2012