topo ban fine

 
 

servicos solicitar banner

Educação de Jovens e Adultos: matrículas abertas e aulas no início de fevereiro

Maiores de 15 anos que desejam iniciar a alfabetização ou retomar os estudos no ensino fundamental (do 1º ao 9º ano) já podem fazer sua matrícula no programa de Educação de Jovens e Adultos (EJA). Nessa modalidade de ensino, a cada semestre estudado corresponde um ano do ensino regular. Matrículas podem ser feitas na Secretaria da EJA, que funciona na Escola Municipal Professora Glória Moreira, situada na Praça Aduílio Valadão, bairro Canabrava. Interessados devem levar documentos pessoais, comprovante de endereço e declaração escolar (ou histórico de escolaridade). A previsão de início das aulas é 3 de fevereiro, com atividades no período noturno: de segunda a sexta, das 19h às 22h30. Mais informações, ligar 3677-3877.

 

O programa de Educação de Jovens e Adultos, que funciona no âmbito da Secretaria Municipal de Educação, tem seu polo Central na Escola Glória Moreira. Na cidade, possui salas na Escola Estadual Maria Assunes (Canaã) e na Escola Municipal Tomaz Pinto da Silva (Mamoeiro). Na zona rural, as salas estão divididas em projetos de assentamentos: Estrela Guia, Florestan Fernandes, Vazante, Brejinho, Canabrava, Barreirinho, Ruralminas.

 

Nessas unidades, o aluno conta com professores capacitados, material escolar gratuito (livros, cadernos, lápis, caneta, cópias xerográficas) e ainda jantam todas as noites. O jantar é preparado pela própria equipe da escola ou unidade. Além da oferta de ensino, esses benefícios são um impulso a mais para motivar o aluno a permanecer no curso, um desafio para os gestores e professores da EJA.

 

Desafios

 

Um dos grandes desafios, segundo o diretor da EJA, Geraldo dos Reis, é "segurar" os alunos para que sejam vencidas todas as etapas e ciclos que compõem a EJA. Alguns trabalham, outros cuidam de famílias ou ajudam a cuidar, outros têm problemas de saúde. São várias as situações que influenciam o processo de evasão, bastante sentido.

 

Uma das armas é a capacitação de professores para lidar com alunos que possuem pouca escolaridade, mas "alguma" experiência de vida. Na EJA, a idade dos alunos pode variar dos 15 a mais de 70. O desafio é posto para os gestores do programa e os profissionais de ensino. Entre os professores, há servidores efetivos dos quadros do Estado e do Município, ou mesmo os contratados e designados para a função.

 

Todo início de ano, segundo o diretor, é realizada uma reunião entre gestores e professores do programa, para alinhar aspectos relacionados ao perfil do aluno e o que se exige do professor para atender a demanda. O desafio atrai muitos professores para o programa. "A disputa é grande", garante Geraldo dos Reis.

 

As aulas, e um novo ciclo de desafios para gestores e professores do EJA, recomeçam na segunda-feira, 3 de fevereiro. Um dos maiores desafios é reduzir a taxa de analfabetismo entre adultos existente no município. Conforme a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios do IBGE, ano 2013, de cada 100 unaienses com mais de 15 anos, doze eram analfabetos.

 

ej2 0001

SmartNews.com
Previsão do Tempo

Siga-nos

    facebook FaceBook
insta icon Instagram
Twitter
linkedinico LinkedIn

Banco de Notícias

Assessoria de Comunicação Social e Relações Públicas - comunicaaiunai@gmail.com   -  (38)3677-9610 Ramal 9039
other a Sala de Imprensa (clique)

Notícias publicadas no período: 29/03/2005 até 17h24 do dia 13/12/2012