topo ban fine

 
 

servicos solicitar banner

Prefeitura lança Programa Desjejum nas escolas rurais

A Prefeitura de Unaí, por meio da Secretaria Municipal de Educação, lançou na manhã desta sexta-feira (11/8), o Programa Desjejum. O programa foi lançado simultaneamente nas 11 escolas da rede municipal de ensino da zona rural. Consiste em oferecer um "café da manhã" aos alunos antes de entrarem para a sala de aula. O prefeito José Gomes Branquinho, o vice Waldir Novais e o secretário municipal Geraldo Magela da Cruz (Educação) acompanharam o primeiro dia do programa na Escola Municipal Nossa Senhora de Fátima, no distrito de Ruralminas (distante 70km do Centro de Unaí). Em setembro, o programa será estendido às escolas municipais urbanas.

 

O programa Desjejum na escola nasceu da necessidade de atender os alunos que acordam muito cedo (alguns antes das 5h), andam bastante até chegar à escola por volta das 7h e, em muitos casos, sem ter tomado um simples café da manhã em casa. "Instituímos o programa para que a criança não entre na sala de aula com estômago vazio", justifica Branquinho.

 

Leite com achocolatado, bolacha, pão, chá, vitamina de banana e mingau são alguns dos alimentos que o aluno vai encontrar quando chegar à escola. "O cardápio do dia é balanceado e acompanhado pela nutricionista", afirma o secretário Geraldo Magela, explicando que a implantação do "Desjejum na Escola" não implica aumento de gastos para a Administração do Município. "Foram só ajustes nas contas internas e principalmente nas compras de alimentos", segundo o secretário.

 

"O programa é muito positivo. Os alunos ficaram hiperfelizes quando souberam. Nós também ficamos felizes, porque sabemos que, depois de nutridos, os alunos obterão melhores resultados no aprendizado", observou Dorcas Francisco da Silva, diretora da Escola Municipal Nossa Senhora de Fátima.

 

A escola do distrito de Ruralminas possui cerca de 400 alunos, entre os quais 96 alunos do ensino médio, ou seja, pertencentes à rede estadual de ensino. Porém, os benefícios do desjejum se estendem aos alunos do estado.

 

"Para nós, não há distinção. Onde comem os alunos da rede municipal, é para servir os alunos do Estado também", afirmou o prefeito, ao determinar seja aumentada a quantidade de alimentos (caso necessário) para atender todos os alunos da escola.

 

O Desjejum foi lançado em todas as escolas rurais do município. Para Branquinho, como ainda está no começo, "o programa naturalmente passará por ajustes até atingir a melhor condição possível". A previsão é que, no mês de setembro, o programa seja implantado nas escolas municipais da área urbana.

 

 dejejum 0002
Alunos recebendo o lanche do "desjejum" na Escola Nossa Senhora de Fátima, no primeiro dia
do programa


dejejum 0003
Leite com achocolatado, bolacha, pão, chá, vitamina de banana, mingau de amido estão entre
os alimentos que serão servidos no desjejum das escolas rurais, sob orientação da
nutricionista da Prefeitura


dejejum 0004
O programa do Desjejum será estendido às escolas urbanas em setembro

dejejum 0001
Prefeito Branquinho e vice-prefeito Waldir visitam a cozinha da escola, onde é preparada toda
a alimentação escolar, que é orientada e supervisionada pela nutricionista da PMU


dejejum 0005
Prefeito e vice aproveitam visita para "ouvir" a direção, professores e servidores da escola 

SmartNews.com
Previsão do Tempo

Siga-nos

    facebook FaceBook
insta icon Instagram
Twitter
linkedinico LinkedIn

Banco de Notícias

Assessoria de Comunicação Social e Relações Públicas - comunicaaiunai@gmail.com   -  (38)3677-9610 Ramal 9039
other a Sala de Imprensa (clique)

Notícias publicadas no período: 29/03/2005 até 17h24 do dia 13/12/2012