topo ban fine

 
 

servicos solicitar banner

Na abertura da Agrotec, prefeito destaca importância do poder público para incentivar o pequeno produtor

"Na ausência do Incra, a porta mais próxima que o pequeno produtor bate em busca de infraestrutura e outras demandas importantes para seu trabalho é a da Prefeitura. E as mais de 6.000 famílias de pequenos produtores de assentamentos da agricultura familiar que vivem na zona rural de Unaí precisam de um olhar especial do poder público, dos órgãos do Estado", afirmou o prefeito José Gomes Branquinho durante a abertura, na manhã desta quinta (5/9), da 1ª Feira Agropecuária Técnica de Unaí (Agrotec). Aberta oficialmente no Palácio Rural do Parque de Exposições, a feira é uma aposta da nova diretoria do Sindicato dos Produtores Rurais para substituir a tradicional Exposição Agropecuária. De acordo com o prefeito, o novo modelo, baseado em "muita palestra, muito ensino, muito aprendizado" será um importante fator de fortalecimento da vocação regional de Unaí e região, que é produzir muito. A feira vai de quinta a domingo, no Parque de Exposições.

 

"Temos em Unaí tudo o que Brasil possui em tecnologia para a produção de grãos. E temos um número significativo de pequenos produtores da agricultura familiar, que á a que mais precisa dos olhares e esforços do setor público", afirmou Branquinho em pronunciamento. Ele acrescentou que o município procura fazer sua parte, dando orientações e incentivando o pequeno produtor nos seus empreendimentos. A Prefeitura, em parceria com a GRS (Gerência Regional de Saúde) e o Convales (Consórcio de Saúde e Desenvolvimento dos Vales do Noroeste de Minas) têm feito um trabalho de orientação e de certificações dos produtos do pequeno produtor. De acordo com o prefeito, o trabalho vem rendendo frutos: "o produto certificado é colocado no mercado, garantindo o empreendimento, a geração de emprego, renda e a sobrevivência da família".

 

No dispositivo de autoridades, o prefeito esteve ladeado pelo presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Unaí e anfitrião do evento, Ricardo Rodrigues de Almeida; pelo prefeito de Paracatu e presidente da Amnor, Olavo Condé; pelo superintendente do Senar Minas, Christiano Nascif, e pelo gerente regional do Sebrae (Noroeste e Alto Paranaíba), Marcos Geraldo Alves da Silva.

 

Em pronunciamento, Ricardo de Almeida explicou que a Agrotec é um modelo alternativo à tradicional Expoagro, realizada em Unaí há mais de 50 anos durante a semana da pátria. "A feira é um modelo de 'festividade' sem festas e shows", mas com muitas palestras e oficinas técnicas. O presidente do Sindicato dos Produtores Rurais disse esperar entre 800 e 1.000 pessoas por dia para as atividades da Agrotec, entre produtores, estudantes e profissionais do agronegócio. Paralelamente às mais de dez palestras previstas e painéis, serão realizadas oficinas técnicas de quarta a sábado.

 

"É claro e iminente o sucesso dessa nova concepção do evento. Teremos momentos de aquisição de conhecimentos, de troca de experiências e de bons negócios", afirmou Christiano Nascif, do Senar (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural), importante parceiro do Sindicato Rural na realização da Agrotec. Outro parceiro fundamental para conceber o novo modelo de "expoagro" foi o Sebrae. "O Sebrae foi a espinha dorsal na construção da Agrotec. Nos deu o norte a ser seguido", disse o presidente do Sindicato Rural, que reconheceu ainda o papel da Prefeitura "cujo apoio e contribuição estão sendo de extrema importância", observou.

 

Palestra de abertura

 

Na primeira palestra da Agrotec 2019, Luciano Ribeiro Machado abordou o tema "Crédito Rural e o Cooperativismo". Graduado em agronomia e doutor em economia rural, o palestrante foi logo disparando: "Festa é muito bom, mas antes da festa temos de ganhar dinheiro. E, para ganhar, temos de trabalhar muito. E a proposta de discussão técnica aqui é... trabalho". Luciano Machado é também superintendente comercial do Bancoob – Banco Cooperativo do Brasil.

 

Ao perceber que a plateia era formada, em sua maioria por estudantes (da Escola Agrícola, da UFVJM, da Factu), o palestrante salientou que sua responsabilidade aumentaria. "Falar para estudantes é muita responsabilidade. É plantar as sementes para a tomada de decisões de vocês mais à frente, os cidadãos que vão tocar o país".

 

Outras 12 palestras técnicas ofertadas gratuitamente pela Agrotec (a maior parte nesta sexta-feira, 6/9) estão à disposição dos estudantes, dos produtores rurais e dos profissionais do agronegócio. Entre quarta e sábado, também estão ocorrendo oficinas sobre variados temas: uso de drone na agricultura, processamento artesanal de vegetais (picles e conserva de pimenta), boas práticas na aplicação e uso de defensivos agrícolas, e agricultura de precisão.

 

agrotec 0003


agrotec 0006

agrotec 0001

agrotec 0002

agrotec 0004

agrotec 0005

SmartNews.com
Previsão do Tempo

Siga-nos

    facebook FaceBook
insta icon Instagram
Twitter
linkedinico LinkedIn

Banco de Notícias

Assessoria de Comunicação Social e Relações Públicas - comunicaaiunai@gmail.com   -  (38)3677-9610 Ramal 9039
other a Sala de Imprensa (clique)

Notícias publicadas no período: 29/03/2005 até 17h24 do dia 13/12/2012